A Diretoria de Vigilância Epidemiológica de Santa Catarina (Dive-SC) confirmou a causa da morte da estudante de Lages: foi meningite. A jovem de 18 anos morreu na sexta-feira (5). 

Conforme a Dive-SC, a doença foi causada pela bactéria Neisseria meningitidis e foi identificada pelo Laboratório Central de Saúde Pública (Lacen).

O órgão informou que as pessoas que tiveram um contato mais próximo com a vítima tomaram um antibiótico para evitar o desenvolvimento da doença.

Esta é a primeira morte de 2019 no Estado de pessoa com meningite causada pela bactéria Neisseria meningitidis. Em 2018 foram 16, conforme a Dive-SC. 

Só este ano o Santa Catarina teve 8 mortes por meningite, sendo três casos bacterianos, um viral, um pneumocócico e três em que não foi possível identificar o agente.