Wagner da Silva
São Ludgero

Dois homens, de 24 e 29 anos, foram detidos na manhã de ontem, em São Ludgero. A dupla é acusada de vários furtos na região de Braço do Norte. Policiais civis e militares cumpriram dois mandados de prisão temporária. Um terceiro homem, também com prisão decretada, ainda não foi localizado.

As prisões ocorreram por volta das 6 horas, os dois dormiam quando a polícia chegou à residência. O trio era investigados há um ano. São mais de 20 boletins de ocorrência contra ele, a maioria de roubo, furto e extorsão em São Ludgero, Braço do Norte e Orleans, Capivari de Baixo e Florianópolis.

O delegado Walteu Pacheco Junior informa que os produtos furtados e roubados eram vendidos para comprar drogas. “Eles ameaçavam as vítimas, intimidavam elas a não prestar queixa e utilizavam o dinheiro para sustentar o vício”, informa Pacheco.

A polícia já conhecia o histórico dos criminosos antes mesmo de começarem a agir na região. “Infelizmente, várias vítimas, com medo, deixavam de procurar os seus direitos e não registravam boletim de ocorrência. Isso inibe o trabalho policial”, explica o delegado. Após os interrogatórios, os dois foram encaminhados ao Presídio Regional de Tubarão.