#Pracegover Foto: na imagem há uma construção, calçada e árvores
#Pracegover Foto: na imagem há uma construção, calçada e árvores

Um homem de 23 anos foi condenado, em sessão do Tribunal Júri promovida na última quarta-feira (07/07) na comarca de Tubarão, a 14 anos de prisão por homicídio duplamente qualificado. Segundo a denúncia, o crime aconteceu na madrugada de 17 de outubro de 2018, no bairro Revoredo, em Tubarão. O réu teria arrombado a porta da casa da vítima, que estava dormindo e atirado contra o homem, que foi atingido por três disparos e faleceu no local.

Na sessão de julgamento, presidida pelo juiz Guilherme Mattei Borsoi, titular da 1ª Vara Criminal, o Conselho de Sentença reconheceu que o crime foi praticado por motivo torpe, consistente em ciúmes do réu com a vítima e uma jovem, e mediante meio que impossibilitou a defesa da vítima, consistente em ter entrado de inopino na residência, arrombando a porta e ter disparado na vítima enquanto ela dormia.

O réu foi condenado, por homicídio duplamente qualificado, a pena de 14 anos de reclusão, em regime inicial fechado. Cabe recurso da decisão ao TJSC. (Ação Penal 0000652-79.2019.8.24.0075)​

Entre em nosso canal do Telegram e receba informações diárias, inclusive aos finais de semana. Acesse o link e fique por dentro: https://t.me/portalnotisul

Fonte: TJSC