Foto: Reprodução

Um jogador de vôlei italiano passou 15 anos acreditando que namorava à distância a modelo brasileira Alessandra Ambrósio. As informações são do jornal O Globo.

Roberto Cazzaniga conheceu uma pessoa pela internet que se apresentava como Maya, mas usava fotos de Alessandra Ambrósio.

O caso veio à tona, após família do jogador pedir para um programa de TV italiano revelar a tramoia depois de ter reunido provas de que o jogador de vôlei havia caído em um golpe.

Durante esses 15 anos, Roberto Cazzaniga chegou a dar 700 mil euros (R$ 4,3 milhões) para a golpista que se passava pela modelo brasileira. A golpista pedia ajuda financeira ao jogador alegando que o dinheiro era para pagar o tratamento de supostos problemas cardíacos.

De acordo com o jornal italiano “Il Fato Quotidiano”, o jogador de vôlei se endividou ao fazer empréstimos para poder mandar dinheiro para a mulher.

Ainda segundo a imprensa italiana, uma amiga de Cazzaniga teria participado do golpe. Ela teria apresentado o jogador a estelionatária. A amiga identificada na TV italiana apenas como Valéria, negou o envolvimento com o caso e disse ser apenas uma amiga de ‘Maya’.

Após a veiculação da reportagem, o jogador italiano foi a polícia e prestou queixa contra a golpista. O caso será investigado.

*Com informações de MSN Notícias