A construção de uma unidade da Nestlé Purina foi viabilizada por meio do InvestSC. Conforme e empresa, a escolha por Santa Catarina foi por causa das vantagens competitivas como a proximidade dos fornecedores, a força portuária e o apoio recebido pelo Governo do Estado - Foto Peterson Paul | Governo de Santa Catarina

Atrair investidores e novos negócios para Santa Catarina são os objetivos do programa InvestSC. A ação chega ao primeiro ano com um saldo de mais de R$ 2 bilhões em investimentos e geração de mais de 2 mil empregos diretos. Foram 40 atendimentos sob o comando da Secretaria de Estado do Desenvolvimento Econômico Sustentável (SDE).

“Santa Catarina tem apresentado números incríveis na economia e o InvestSC é parte fundamental neste processo”, valoriza o secretário do desenvolvimento econômico sustentável, Luciano Buligon. O programa conta com um núcleo interinstitucional, que tem a participação das secretarias estaduais da Fazenda, da Administração, da Infraestrutura e Mobilidade, secretarias executivas do Meio Ambiente, de Assuntos Internacionais, além da SCPAR e da Federação das Indústrias de Santa Catarina (Fiesc).

O programa possui como atribuições propor políticas para o desenvolvimento econômico regional, com ações que atraiam e facilitem investidores, nacionais e estrangeiros. O InvestSC ainda informa sobre as possibilidades oferecidas pelo Estado, além de propor diretrizes para atração de novos negócios e fomento ao empreendedorismo.

Paralelamente, o Fórum InvestSC, que reúne membros dos órgãos públicos e representantes das maiores empresas do Estado, discute as demandas, prioridades e oportunidades para o crescimento do Estado. Desta forma, os próprios investimentos do governo catarinense são ajustados para atender as prioridades do setor produtivo, como qualificação de mão de obra e melhorias em infraestrutura, por exemplo.

Para o mercado estrangeiro, a Secretaria Executiva de Assuntos Internacionais (SAI) lançou o Investor’s Guide (Guia do Investidor, na tradução literal) para servir de subsídio aos investidores nacionais e internacionais que busquem informações pertinentes sobre Santa Catarina: dados territoriais, econômicos, de competitividade e de cada setor produtivo.

“Desta forma as empresas são direcionadas ao programa InvestSC, que é a porta de entrada do governo estadual, oferecendo a ajuda necessária para que sejam guiados de forma correta, com menos dificuldades e burocracias”, assinala o secretário de assuntos internacionais, Fernando Raupp.

 

Entre em nosso canal do Telegram e receba informações diárias, inclusive aos finais de semana. Acesse o link e fique por dentro: https://t.me/portalnotisul