Dirlei Corrêa Nunes, da empresa Delt, recebe a ordem de serviço para a implantação da rede de abastecimento na Guarda-ME
Dirlei Corrêa Nunes, da empresa Delt, recebe a ordem de serviço para a implantação da rede de abastecimento na Guarda-ME

 

Tubarão
 
 
A manhã de ontem foi marcada pelo anúncio do início de três grandes obras em infraestrutura em Tubarão. Juntos, os trabalhos receberão investimento de R$ 1,2 milhão. Um das obras é a construção de 3,2 mil metros de rede de água na rodovia Alfredo Anacleto da Silva, conhecida como estrada geral do Sertão dos Corrêa.
 
A obra compreenderá a extensão entre o posto de saúde e a empresa Ossotuba. O serviço será feito pela empresa Serdel. A região hoje não possui água tratada e a maioria das casas é abastecida por cisternas ou mangueiras, que captam o líquido dos morros próximos.
 
Além da rede de distribuição, serão implantados dois conjuntos de moto-bomba. Os equipamentos garantirão o abastecimento até nos lugares mais altos do bairro.  O investimento nesta primeira fase do projeto ultrapassa os R$ 500 mil. Os trabalhos devem ser concluídos em até 120 dias.
 
A outra obra autorizada é a construção de mais 1,4 mil metros de rede de água na rodovia João Alfredo Rosa (estrada geral do Bom Pastor). A obra será executada pela empresa Delt e compreende o trecho entre a igreja Santo Anjo da Guarda e a Guarda-ME. Orçada em mais de R$ 100 mil, a nova rede também será construída com recursos do Fundasa e tem prazo de 60 dias para ser concluída.
 
Já a empresa Nova Construtora é a responsável por erguer um muro de contenção de 162 metros no terreno próximo da Estação de Tratamento de Água (ETA), no bairro Fábio Silva. O trabalho, orçado em R$ 599,60 mil, já começou e tem previsão de conclusão de oito meses.