Nova Iorque, Estados Unidos

O presidente americano, Donald Trump, disse, neste sábado, que já foi decidido o local de sua segunda reunião de cúpula com Kim Jong Un, prevista para o fim de fevereiro. “Escolhemos um país”, afirmou a jornalistas, sem dar detalhes.

Uma fonte do governo do Vietnã havia dito à AFP que estavam sendo adiantados os “preparativos logísticos” para sediar o encontro, provavelmetne na capital, Hanói, ou na cidade litorânea de Danang.

Defesa do muro

No início da madrugada deste sábado, horário de Brasília, Trump publicou um vídeo curto em sua conta oficial no Twitter em que defende a construção do muro na fronteira com o México, uma de suas principais propostas durante a campanha presidencial. “Todos já sabem agora que a fronteira Sul é uma crise humanitária e também uma crise de segurança nacional”, afirmou o mandatário norte-americano.

“Por muitos anos, décadas, problemas têm acontecido por lá, mas a situação só piora com o tempo, porque muita gente quer entrar em nosso país. Muita gente que não queremos: criminosos, integrantes de gangues, traficantes de pessoas e de drogas. Não queremos eles no nosso país”, continuou Trump. No fim da mensagem, Trump diz ter recebido apoio velado de parlamentares do partido Democrata.