Geórgia, Estados Unidos

Um homem que foi filmado dando um tapa nos glúteos de uma repórter na Geórgia, nos Estados Unidos, durante uma transmissão ao vivo foi preso pelas autoridades locais sob acusação de assédio. Thomas Callaway, de 43 anos, foi preso na sexta-feira (13.12), informou o “The Guardian”.

O vídeo da transmissão ao vivo, disponível no Twitter, já foi visualizado mais de 11 milhões de vezes. As imagens mostram a jornalista fazendo uma reportagem sobre uma corrida que acontecia na região quando Thomas surge entre a multidão e dá o tapa em Alex.

“Você me violou, objetou e me envergonhou”, escreveu a jornalista no Twitter. “Nenhuma mulher NUNCA deveria ter que aturar isso no trabalho ou em qualquer lugar.”

Denunciado à polícia pela repórter, Thomas foi à TV se desculpar pelo assédio. “Foi um ato terrível e um erro terrível”, disse ele. Mas o acusado se defendeu dizendo que havia levantado o braço para dar um tapa nas costas ou no ombro da repórter, e não percebeu até ver o vídeo que tocou suas nádegas.

“A conduta dele em relação a [repórter] Alex Bozarjian durante sua cobertura ao vivo é repreensível e completamente inaceitável”, disse um representante da emissora WSAV-TV em um comunicado divulgado à imprensa.

“Ninguém deve ser desrespeitado dessa maneira. A segurança e a proteção de nossos funcionários são a maior prioridade da WSAV-TV “.