Tinha apenas 14 anos quando o ativista e agora, secretário de Meio Ambiente de Volta Redonda (RJ), Mauricio Ruiz, 37 anos, fundou há 20 anos, com um grupo de amigos o ITPA (Instituto Terra de Preservação Ambiental) em Miguel Pereira (RJ) com a missão de reflorestar áreas devastadas pelo desmatamento.

Oinstituto reflorestou em 7 anos a Serra de Miguel Pereira, uma das cidades que mais tinha problemas com desmatamento no Rio de Janeiro, com o plantio de cerca de 2 milhões de árvores! A ação foi feita por voluntários e profissionais da instituição. Que incrível, não é mesmo?

Ah, esse reflorestamento da Serra de Miguel Pereira é considerada a maior iniciativa de reflorestamento da história do Estado do Rio de Janeiro! Que demais!

“Centenas de homens e mulheres fizeram e fazem parte desta grande ação pelo bem coletivo. Agradeço a cada um deles aqui, pois tão importante quanto plantar uma árvore no chão é semear a esperança no coração das pessoas”, afirmou Mauricio.

Confira o antes e depois da Serra de Miguel Pereira após o reflorestamento:

Instituto comemora o plantio de mais de 3 milhões de árvores em 20 anos de trabalho

“Pretendemos continuar sendo a instituição que mais plantou árvores na história do Estado e do Brasil. Mas não são só árvores plantadas, elas são cuidadas e monitoradas. Os resultados são feitos por imagens via satélite. São muitos quilômetros de beira de rio sendo reflorestados”, afirmou Mauricío, que hoje atua como voluntário, desde que assumiu o cargo de secretário de Meio Ambiente.

O ITPA é uma organização privada, sem fins lucrativos, que trabalha desde 1998 em favor do desenvolvimento sustentável. Suas ações são bastante diversificadas e integram desde educação ambiental e mobilização de grupos organizados, até a implantação de áreas de restauração florestal e unidades de conservação da natureza.

“O próximo passo é perseverar. Continuar monitorando o desmatamento e os incêndios, cobrando, fiscalizando e plantando”, disse.