Tubarão

 

A cada 100 consumidores  de Tubarão que tiveram seu nome inscrito no Serviço de Proteção ao Crédito (SPC), somente três não conseguiram pagar a dívida no mês passado. O dado é do órgão, disponibilizado pela Câmara de Dirigente Lojistas (CDL) da cidade, e divulgado nesta semana.
Em fevereiro deste ano, o índice de recuperação de crédito chegou a 97,64% em Tubarão. No ano passado, no mesmo mês, o indicador ficou em 58,87%.
 
Segundo o diretor executivo da CDL, Pedro Paulo Nascimento, estes são números altamente positivos para o comércio local e para o consumidor, que conseguiu voltar a comprar.
 
“Estes números refletem a importância que o consumidor começou a dispensar para esta situação e para a importância de não ficar com o nome ‘sujo’  na praça”, valoriza o diretor. 
 
Conforme o levantamento efetuado pelo SPC Brasil, em parceria com a Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL), no país a inadimplência no comércio caiu 4,99% em fevereiro.