#Pracegover Na foto, fiscal dentro uma farmácia
Foto: Assessoria de imprensa Prefeitura de Imbituba

Uma farmácia, localizada na área central de Imbituba, foi flagrada, na tarde desta sexta-feira (07), vendendo anticoncepcionais (Diminut e Cerazette) de forma fracionada. Esse tipo de medicamento, que já vem em caixa fechada, com 63 comprimidos (três cartelas com 21 drágeas cada), não pode ser fracionável.

Foram apreendidas 23 caixas violadas de anticoncepcionais. Isso significa que, 1449 comprimidos estavam sendo vendidos de forma fracionada. Os fiscais fizeram um auto de intimação e determinaram o descarte imediato dos medicamentos.

A ação ocorreu durante uma inspeção, solicitada pelo próprio estabelecimento, para a liberação de alvará sanitário.

Segundo a Vigilância em Saúde, uma farmácia pode vender remédios fracionados, mas, não anticoncepcionais. Para que um estabelecimento possa vender medicamentos fracionáveis, é necessário seguir alguns pré-requisitos, tais como, a indicação do fabricante, o número de lote, a validade do produto e cada cartela precisa ter uma bula específica.

Em Imbituba, nenhuma drogaria está apta a vender, de forma fracionada, qualquer tipo de medicamento.

Entre em nosso canal do Telegram e receba informações diárias, inclusive aos finais de semana. Acesse o link e fique por dentro: https://t.me/portalnotisul