Imbituba foi um dos primeiros de Santa Catarina a aderir à Lei Aldir Blanc, de apoio aos artistas locais. A Capital Nacional da Baleia Franca entrou no segundo lote e recebeu, do Governo Federal, diretamente no Fundo Municipal de Cultura, o valor de R$ 328.438,32.

Os recursos serão aplicados totalmente nas ações culturais, como prevê a Lei 14017/2020.

Os espaços culturais e artísticos, que durante o pico da pandemia da Covid-19 estiveram fechados, serão os beneficiados com a ajuda financeira. Neste caso, cada beneficiário poderá solicitar o subsidio mensal (conforme inciso II da Lei 14017/2020).

Também, como previsto no inciso III da mesma lei, o município ficará responsável em abrir editais de premiação, credenciamento e chamadas públicas, entre outras ações previstas na regulamentação.

Quanto ao inciso I da Lei Aldir Blanc, que trata do auxilio diretamente ao artista locais, fica sob a responsabilidade do Governo do Estado.

Os artistas que se enquadram no inciso I da lei serão beneficiados com cotas mensais de R$ 600, que serão repassadas pelo Estado por meio da Fundação Catarinense de Cultura (FCC).

A inscrição para os interessados deverá será feita através do Mapa Cultural, no site da Fundação Catarinense de Cultura (FCC) – http://mapacultural.sc.gov.br/

Entre em nosso canal do Telegram e receba informações diárias, inclusive aos finais de semana. Acesse o link e fique por dentro: https://t.me/portalnotisul