A Igreja Católica beatificou neste sábado (10) o jovem Carlo Acutis (1991-2006), conhecido como o “padroeiro da internet” pelos católicos, durante cerimônia na Basílica de São Francisco de Assis, na Itália, transmitida ao vivo pela internet.

O estudante morreu aos 15 anos, no dia 12 de outubro de 2006, no hospital San Gerardo de Monza, em decorrência de uma leucemia fulminante. Ele foi reconhecido pela Igreja, apesar de sua curta vida, como um modelo da fé cristã.

O papa Francisco, na exortação apostólica “Christus vivit”, o propôs aos jovens como um modelo de santidade da era digital. Ele foi declarado “venerável” no dia 5 de julho de 2018 após a Congregação para a Causa dos Santos confirmar milagres atribuídos ao jovem – um deles, em Mato Grosso do Sul, no Brasil.

A beatificação de Acutis foi pronunciada pelo cardeal Agostino Vallini e acompanhada pela família do jovem que nasceu na Inglaterra e viveu em Milão. A memória litúrgica dele será celebrada todos os anos no dia 12 de outubro, data de sua morte.

A data coincide com a mesma em que se celebra a Nossa Senhora Aparecida, padroeira do Brasil. O corpo de Acutis está sendo exposto em Assis, na Itália. O túmulo ficará aberto para exposição até o dia 17 de outubro e são esperados entre dois e três mil peregrinos.

De acordo com o Vaticano, os restos mortais do adolescente ainda está “intacto”, com sua calça jeans e tênis.

Quem é Carlo Acutis?

Seu rosto sorridente está nas redes sociais há dias. Carlo Acutis, nascido em 1991, falecido aos 15 anos, é o primeiro ‘santo’ dos millennials, aqueles que cresceram a pão e à internet e por isso muitos já o consideram o patrono da web.

Seu nome é uma homenagem ao seu avô. Ele nasceu em Londres, mas devido à transferência temporária de seu pai Andrea, que era gerente de um banco de investimento naquela época, retornou à Milão, na Lombardia.

Aos 15 anos morreu vítima de uma leucemia, em Monza, mas a seu pedido foi enterrado em Assis. E foi na cidade de São Francisco que ele foi beatificado.

Gênio da informática, o jovem usou seus conhecimentos para falar sobre fé na web, um verdadeiro ‘influenciador de Deus’.

Apaixonado por jogar futebol, fazer caminhadas na montanha, tocar saxofone e ir à pizzaria com os amigos, Acutis dedicou boa parte de sua vida ao catecismo virtual e ao desenvolvimento de redes online para conectar mais de 10 mil paróquias.

*Com informações da Agência ANSA.

Entre em nosso canal do Telegram e receba informações diárias, inclusive aos finais de semana. Acesse o link e fique por dentro: https://t.me/portalnotisul