Foto: Divulgação Internet

Os respiradores que o Governo do Estado pegou emprestado do Hospital de Caridade Senhor Bom Jesus Passos, de Laguna, foram devolvidos na tarde desta quinta-feira (9). De acordo com a administradora do hospital, Cheyenne de Andrade, a previsão de devolução veio antes do esperado. “Mas ainda não temos onde usar porque não há leito suficiente”.

Na semana passada a administração do Hospital enviou um orçamento de R$ 500 mil ao Governo de Santa Catarina para a criação de 10 leitos de UTI, colocando a instituição à disposição de hospitais da região para receber pacientes graves com coronavírus.

“Ainda não temos uma resposta do Governo, porém, se conseguirmos vai aliviar bastante a demanda do momento na região e vamos ganhar uma UTI permanente  para atender aos pacientes do nosso hospital”, afirma.

O orçamento inclui toda estrutura montada como mobiliário, materiais de uso permanente, gasômetro, rede de gás medicinal e adequações estruturais. Se for aprovado, os leitos podem ficar prontos em meados de maio.

A devolução dos respiradores

Os respiradores chegaram em Criciúma por meio de uma força-tarefa realizada pelo Governo do Estado. A Defesa Civil  com o apoio do Aeroclube, realizou nesta terça-feira, 7, o transporte de 10 respiradores e máscaras face shield que serão utilizados no tratamento de pacientes com o novo coronavírus. A ação foi resultado da grande rede de apoio e logística articulada pela DCSC e que conta com a participação de entidades públicas e privadas.

Cinco respiradores estavam na cidade de Joinville onde foram concertados na unidade do Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai). Os equipamentos foram transportados para Florianópolis e serão distribuídos para o interior do Estado com o apoio de pilotos do Aeroclube de Santa Catarina. Outros cinco respiradores foram transferidos de Criciúma para Laguna, por viaturas da Defesa Civil e da Polícia Civil.