O caminhoneiro que morreu ontem após perder o controle do veículo e colidir contra um paredão de pedra, no Rio Grande do Sul, é Edmar Benedet, de 36 anos e era de Lauro Muller. Ele trafgava na ERS 122, entre Flores da Cunha e Antônio Prado, na Serra gaúcha. O acidente aconteceu no km 107 da rodovia, por volta das 9h desta quinta-feira. Havia um passageiro no veículo, mas não ficou ferido.

De acordo com o Comando Rodoviário da Brigada Militar (CRBM), o caminhão, com placas de Boqueirão do Leão, transitava sentido Flores da Cunha-Antônio Prado, quando o motorista perdeu o controle após uma curva e bateu em um paredão de pedra na direção contrária. O motorista, que ainda não foi identificado, morreu no local.

O caminhão estaria transportando base de emulsão, substância tóxica utilizada na composição de explosivos. O material, no entanto, não oferece riscos de combustão ou explosão.