O dia será da manifestações por todo o Brasil. Em Florianópolis, desde às 6h aconteceram protestos, com pontos bloqueados por barricadas e fogo. O alvo principal é a reforma da Previdência. Em Criciúma, a concentração deve começar na Praça da Chaminé, às 9h, indo em direção à Praça Nereu Ramos e contará com manifestantes de cidades da região Sul.

Na capital do estado, o Corpo de Bombeiros foi acionado para controlar o fogo na Avenida da Saudade. A Polícia trabalhou para recolher pneus utilizados pelos manifestantes. Até o momento ninguém foi preso.

Metrôs e ônibus de grandes cidades estão paralisados. Blumenau e Florianópolis amanheceram sem transporte público. Em Porto Alegre, o Trensurb ficou fechado das 5h30 até 8h e havia cerca de 15 pontos de bloqueios. Em São Paulo metrôs e trens seguem normalmente.

Transporte coletivo

O transporte coletivo de Tubarão e Criciúma estará funcionando normalmente nesta sexta-feira, 14. A greve geral prevista para acontecer em todo país também acontecerá na cidade carbonífera, mas não afetará o transporte público.

A Associação Criciumense de Transporte Urbano (ACTU) informou que o transporte coletivo segue normalmente hoje. 

Foto: Portal 4Oito