Diante da nova matriz de risco onde a Amurel encontra-se reclassificada como área gravíssima em relação à pandemia de Covid-19, o Comitê Regional de Saúde chegou a se reunir e emitiu recomendações de novas medidas restritivas. No entanto, os prefeitos da Amurel não chegaram a avaliar as sugestões visto que o Estado ainda não se manifestou sobre novas medidas para a região.

Nesta sexta-feira (14) o Governo anunciou que manteria por mais sete dias as medidas de enfrentamento ao coronavírus que estavam em vigor nas regiões do Alto Vale do Itajaí, Médio Vale do Itajaí, Foz do Rio Itajaí, Nordeste, Carbonífera, Extremo Sul, Alto Vale do Rio do Peixe e Meio-Oeste.

De acordo com o Governo Estado, as regiões que entraram em estado gravíssimo nesta semana, como a Amurel, não foram incluídas no processo devido aos critérios epidemiológicos que apontam 14 dias como o prazo necessário para a consolidação das ações de enfrentamento. Caso permaneçam na mesma situação na Matriz de Avaliação de Risco Potencial, novas medidas podem ser aplicadas.

Até o início da noite desta sexta-feira (14) ainda não havia nenhum posicionamento da Secretaria de Estado da Saúde sobre o assunto, fazendo com que os prefeitos prorrogassem as medidas em vigor.

Em Tubarão o atual decreto foi prorrogado e as medidas nele contidas passam a valer até a próxima segunda-feira.

Comércio segue com funcionamento até as 18 horas se segunda a sexta-feira, e das 8 às 12h30 aos sábados. Com redução da capacidade de pessoas nos estabelecimentos. Domingos e feriados devem permanecer fechados.

Shoppings e galerias seguem abrindo a partir do meio-dia até às 20 horas. Com restrições na praça de alimentação.

Clique aqui para ver todos os detalhes do decreto emitido no dia 24 de julho. E aqui para ver a atualização do dia 7 de agosto. 

Entre em nosso canal do Telegram e receba informações diárias, inclusive aos finais de semana. Acesse o link e fique por dentro: https://t.me/portalnotisul