Uma gatinha pra lá de valente salvou um menino de 3 anos do ataque de uma cobra cascavel dentro de casa no último fim de semana. Miguel, de 3 anos estava na cozinha da casa da avó, em Valença, no Rio de Janeiro, quando entrou um filhote de cascavel de aproximadamente um metro de comprimento.

O menino começou a gritar. A avó e o pai, que estavam em outro cômodo correram para acudir a criança e quando chegaram viram a gatinha Amy brigando com a cobra.

“Meu filho, pai do Miguel, também ouviu os gritos e correu para a cozinha. Quando ele chegou, viu que a nossa gata estava batendo com a pata na cabeça da cobra, enquanto o Miguel estava imóvel, assustado. Ela salvou a vida do meu neto”, disse a avó Alyadine Rodegheri ao G1.

Heroína

Amy é conhecida pela valentia. A família conta que ela já salvou o dono do ataque de um Pit Bull.

O tutor dela é o Ezequiel Bitares da Rosa Rodegheri, de 15 anos. Ele é tio do Miguel e conta que está acostumado a receber ‘presentes’ da gatinha.

“Ela traz pombinhos, passarinhos, já me trouxe um peixe uma vez. Ela também me protegeu de um pit bull que avançou em mim na rua e onde eu vou ela vai atrás. Ela protege mesmo, é uma verdadeira amiga, parece até um cachorro”, conta.

Segundo os moradores, a rua não é asfaltada e de frente com a residência onde o réptil de quase um metro foi encontrado, existe um terreno baldio, onde já foram vistos lagartos e escorpiões.

O pai do menino recolheu o animal ainda vivo e acionou os bombeiros, mas segundo os agentes, não havia onde colocar o réptil. A família chamou então uma equipe da Guarda Municipal que recolheu a cobra.