A proposta do trabalho de fiscalização e prevenção, a ser realizado em conjunto entre a prefeitura e as forças de segurança da cidade, foi debatido em reunião nesta sexta-feira - Foto: Priscila Ladislau/Prefeitura de Tubarão/Notisul
A proposta do trabalho de fiscalização e prevenção, a ser realizado em conjunto entre a prefeitura e as forças de segurança da cidade, foi debatido em reunião nesta sexta-feira - Foto: Priscila Ladislau/Prefeitura de Tubarão/Notisul

 

Tubarão
 
A proposta de um trabalho de fiscalização e prevenção, a ser realizado em conjunto entre a prefeitura e as forças de segurança da cidade foi pauta de uma reunião nesta sexta-feira. A ideia surgiu da necessidade de fiscalizar irregularidades ambientais, principalmente aos fins de semana.
 
Anteriormente, o cidadão que ligava para a Polícia Militar (PM) e fazia uma denúncia de algum crime ambiental ou sobre alguma obra irregular, não recebia todas as orientações necessárias, já que não havia esta integração.
 
A partir de agora, a situação será diferente: todo tubaronense que realizar uma denúncia nos fins de semana poderá recorrer à Polícia Militar e à Guarda Municipal, por meio dos números emergências das corporações (190 e 153, respectivamente).
 
Conforme o secretário de urbanismo e meio ambiente da prefeitura, Carlos Ghislandi, esta integração do executivo com a PM e a GMT é fruto de um convênio, assinado entre as instituições no fim do mês passado. “Com esta parceria, vamos  impedir muitas ações irregulares, andamento de construções ilegais e atitudes nocivas à sociedade”, valoriza Ghislandi.
 
Com o convênio, a PM e a GMT poderão, a partir de agora, constatar as irregularidades e acionar os órgãos responsáveis, que ficam obrigados a dar uma resposta eficiente e rápida ao pedido do cidadão.
“É um passo qualitativo muito importante. De forma integrada e sistêmica, vamos contribuir ainda mais com a sociedade”, enaltece o major da PM Giovani Livramento.
 
Obras irregulares na mira dos fiscais
Um dos pontos importantes na formalização do convênio entre a prefeitura de Tubarão, Polícia Milita e Guarda Municipal é coibir o avanço de construções irregulares. Segundo o secretário de urbanismo e meio ambiente da prefeitura, Carlos Ghislandi, a ação integrada entre as instituições vai prevenir problemas futuros, especialmente em relação a esta regularidade. Muitas pessoas sabem que o trabalho contraria as leis vigentes no município, mas aproveitam os fins de semana, quando a fiscalização não é feita, para seguirem com as construções.