Priscila Loch
Imbituba

“Divulguem pelo mundo”. Nem bem havia terminado o Festival do Mar da Praia do Rosa e os apreciadores da gastronomia açoriana já sabiam que o evento foi apenas o primeiro de muitos outros. O pedido de divulgação do chef André Vasconcelos já anunciava que haverá uma próxima edição, provavelmente próximas edições.
E o jornalista Fernando Mansur, coordenador do festival gastronômico realizado na Praia do Rosa, em Imbituba, avisa desde já: em março ou abril, tem mais, “com a expectativa de que o sucesso seja ainda maior”, prevê. Foram quatro dias dedicados à apreciação de pratos especialmente criados para a ocasião. Tudo ‘regado’ a muitos frutos do mar.

A iniciativa foi das Pousadas do Rosa Associadas (Proa) e os participantes vieram de todas as partes de Santa Catarina e também do Rio Grande do Sul. Havia até um francês. “Primamos pelo desenvolvimento sustentável, e o festival vem para somar”, acrescenta Mansur, expert em enogastronomia. E o chef André reforça o que todos os catarinenses já sabem, e nunca é demais repetir: “Santa Catarina é única quando se fala em gastronomia. E resolvemos apostar nesta característica”, enaltece André, que fechou o festival, domingo, no Restaurante Engenho do Mar, na Pousada Vida Sol e Mar.

Mariscos em concha levemente defumados com crocante de toucinho, ervas e vinho branco (da chef Maria Helena Moreira); peixe empanado com amendoim com molho de camarões e banana (Narbal Corrêa); trouxa de polvo com arroz e castanhas (Paulo Guinle); e escondidinho de ragú de lagosta sapateira com creme de abóbora ao maracujá (André Vasconcelos) foram alguns dos pratos que deixaram nos degustadores um gostinho de quero mais…