#Pracegover Na foto, à esquerda colocação da faixa, à direita, faixa jogada no chão
Foto: Divulgação

Em fevereiro deste ano moradores e empresários das cidades de Grão-Pará, Urubici e Braço do Norte se reuniram para criar e colocar uma faixa de advertência para motoristas de caminhões acima de três eixos não subirem a Serra do Corvo Branco, na SC 370 em Grão-Pará.

A estrada de acesso é muito estreita e estes caminhões não conseguem passar nas curvas. O resultado era trânsito parado até os motoristas conseguirem manobrar o veículo.

Os motoristas que ficam “presos” na estrada são o que não conhecem o caminho e tentam acessar a rota via GPS em busca de um caminho mais rápido.

De acordo com Márcio de Bona, um dos empresários que contribuiu para fazer a faixa, a ação deu certo. Pelo menos até semana passada, quando foi arrancada por um funcionário do Deinfra, responsável pela manutenção da rodovia.

“A faixa estava ajudando os motoristas, ficou 40 dias com a Serra sem ficar trancada. Depois que o material foi tirado a rodovia voltou a trancar”, afirmou Márcio.

Márcio contou que a justificativa do funcionário era de que a faixa não poderia estar lá porque não estava no padrão de sinalização da rodovia.

“Por outro lado, o funcionário não se atentou a este problema com os motoristas e não se mobilizou para fazer o óbvio. Não fizemos nada fora do padrão, tanto que conversamos com o secretário estadual de infraestrutura e ele nos deu permissão”.

O funcionário do Deinfra foi procurado para explicar o motivo da retirada da faixa, mas não atendeu às ligações, nem deu retorno.

Entre em nosso canal do Telegram e receba informações diárias, inclusive aos finais de semana. Acesse o link e fique por dentro: https://t.me/portalnotisul