Na década de 1930, a comunidade se mobilizou para abrir o primeiro traçado da Serra da Rocinha. O trabalho seguiu até 1942, quando foi inaugurada - Foto: Arquivo | Dnit

O Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT) lançou nesta sexta-feira (25), na página da Gestão Ambiental da BR-285/RS/SC no Facebook, uma exposição virtual derivada do documentário “Serra da Rocinha: caminhos & raízes”. Composta por 16 fotografias, a mostra on-line é inspirada na narrativa do documentário de mesmo nome e busca disponibilizar ao público novos ângulos, detalhes e cenários inéditos das gravações.

Segmento já pavimentado com as placas de concreto de 22 centímetros no lado catarinense, em Timbé do Sul – Foto: Gustavo Arruda | Dnit

Assim como o filme, as imagens foram feitas a partir da memória de pessoas que são remanescentes das últimas tropeadas e que vivenciaram a abertura do primeiro traçado da Serra da Rocinha, nas décadas de 1930 e 1940. A mostra também visa contribuir para valorização do patrimônio natural e cultural da região do Extremo Sul catarinense, um lugar pouco conhecido e que vive um momento de expansão do turismo local.

O patrimônio cultural da região conta com elementos materiais de importância histórica, como as taipas e corredores de tropa preservados. Na imagem, o corredor de tropa em Bom Jesus, no Rio Grande do Sul – Foto: Jordan Romano | Dnit

 

Entre em nosso canal do Telegram e receba informações diárias, inclusive aos finais de semana. Acesse o link e fique por dentro: https://t.me/portalnotisul