Um dos pontos mais preocupantes para a comunidade é as proximidades da Escola Arno Hubbe, por causa da circulação de crianças
Um dos pontos mais preocupantes para a comunidade é as proximidades da Escola Arno Hubbe, por causa da circulação de crianças

 

Angelica Brunatto
Tubarão
 
Há quase um ano, a comunidade do bairro Revoredo, em Tubarão, pede por mais segurança. Isso porque o fluxo de carros na avenida Expedicionário José Pedro Coelho preocupa os moradores, principalmente os pais de alunos da Escola Arno Hubbe.
 
Para conseguirem soluções, em outubro do ano passado os líderes comunitários organizaram um abaixo assinado, com 280 adesões. “Pedíamos a instalação de três lombadas físicas na via. O fluxo de veículos, em alta velocidade, é intenso. Muitos ciclistas e pedestres arriscam a vida”, alerta o presidente do conselho de segurança do bairro, Paulo Marcos Valgas.
 
Segundo Paulo, são três os pontos críticos: em frente à escola, à padaria da Daiana e na esquina com a rua Rubens Faraco. Agora todos estão na expectativa, já que o problema está prestes a ser solucionado.
 
A promessa do secretário de segurança e patrimônio da prefeitura, Carlos Eduardo de Bona Portão, o Preto, é que duas lombadas sejam instaladas. “Foi decidido em uma reunião com representantes da comunidade e a prefeitura. Uma delas será colocada em frente à padaria e outra próxima à Escola Arno Hubbe”, garante Preto.
 
Nestes locais, há alguns anos existiam redutores de velocidade. Para que os serviços comecem, falta apenas a chegada dos materiais, como asfalto, e a confecção das placas. A previsão é que os trabalhos comecem a ser executados até a próxima semana, em parceria com a secretaria de infraestrutura.