Com o olhar voltado para o pleito eleitoral de 2020, o Movimento Democrático Brasileiro (MDB) de diversas cidades da Amurel elegeu, neste sábado, a nova executiva da sigla nos municípios. Os presidentes comandarão cada diretório para os próximos dois anos. Caberá a executiva municipal conduzir a sigla na tentativa de permanecer ou retomar o comando das prefeituras.

Na maior cidade da Amurel, Tubarão, o comando ficou com o médico cardiologista Cristiano Ferreira, que é pré-candidato a prefeito do município. No mês passado em entrevista para o Notisul, o profissional afirmou que é possível fazer ainda mais pela cidade. “A política não era uma aspiração minha, mas vejo que ela é uma forma de mudança social e, se for para contribuir de maneira ativa, quero estar inserido”, prospecta.

Segundo ele, o MDB começa a construir uma nova história, caminhando junto à transparência e a honestidade, na direção de um futuro de esperança e renovação na Cidade Azul. O profissional de medicina tem como seu primeiro vice no comando da sigla, o vereador Gilmar Negro Machado e o segundo vice Charles Paulino da Conceição.

Em Gravatal, Rodnei Amaral Fernandes, o Nei, foi reeleito e seguirá no comando da sigla pelos próximos dois anos. Braço do Norte, a escolha do novo comandante ocorrerá no próximo sábado. O representante do partido em Capivari de Baixo é o vereador Edison Cardoso Duarte e em Laguna, Antônio Luiz dos Reis, o Toninho.

As eleições do próximo ano já movimentam os bastidores da política na Amurel e no Estado. No MBD, não é diferente. Líderes políticos e representantes de outros partidos prestigiaram os encontros municipais. O intuito do MDB agora, com os comandos definidos é pensar a eleição para o ano que vem. Um dos objetivos é ter o cabeça de chapa, ser o protagonista no pleito e ter candidato para a campanha de 2020.

Segundo eles, os governos do MDB foram muitos propositivos para as cidades da Amurel e também no Estado, um governo de diálogo e aberto com a comunidade.