A apresentação em Tubarão contará com manobras e acrobacias de sete aviões A-29 (Super Tucano) e durará em torno de 30 minutos -Foto: Tenente Marcus Lemos | Força Aérea Brasileira | Divulgação

A população de Tubarão e região poderá ver bem de pertinho o espetáculo cheio de acrobacias dos pilotos da Força Aérea Brasileira (FAB) que compõem a Esquadrilha da Fumaça. O grupo fará uma apresentação especial na cidade no próximo dia 28, às 15 horas. O município estava em tratativas com a FAB para uma apresentação da Esquadrilha da Fumaça desde 2020. O primeiro pedido foi feito para as celebrações dos 150 anos da cidade, mas as apresentações ficaram suspensas em 2020 e 2021 em virtude da pandemia. Além de Tubarão, haverá apresentações em Joinville e Florianópolis.

A apresentação contará com manobras e acrobacias de sete aviões A-29 (Super Tucano) e durará em torno de 30 minutos. O grupo de aviões partirá da base aérea de Florianópolis e a apresentação será narrada e coordenada pelo pessoal da FAB em terra. Neste fim e semana, dois oficiais da Força Aérea, pilotos da Esquadrilha da Fumaça, apresentaram toda a logística do espetáculo. A comissão organizadora da Tubarão é formada por representantes da Guarda Municipal, Corpo de Bombeiros Militar, Polícia Militar e 3ª Companhia do Exército, além do assessor do deputado federal Coronel Armando, Léo Goulart, que acompanhou a solicitação da prefeitura junto a FAB. Pela Prefeitura fazem parte gestores da secretarias de Segurança, Trânsito e Patrimônio, Infraestrutura, Serviços Públicos, Saúde, Educação e Gabinete do Prefeito. A coordenação de todo o pessoal está sob a batuta do assessor especial do prefeito, Ramires Linhares.

Os oficiais da FAB visitaram os possíveis locais onde o público poderia se reunir para a apresentação, e, após análise, foi definido o entorno da Arena Multiuso, como o que melhor se adapta ao evento. A aprovação chegou nesta terça-feira (8). O público vai poder assistir ao lado direito da Arena, onde as vias serão fechadas para o trânsito, permitindo o acesso das pessoas. Mais do que celebrar o aniversário de 152 anos da cidade, o evento também valoriza a história de Tubarão com a aviação. “Vamos organizar uma programação especial, até por que o evento vai acontecer próximo a Praça Memorial Aeroporto Anita Garibaldi (Praça do Avião), onde está exposta uma aeronave Neiva T-25 Universal, um dos modelos já utilizados pela Esquadrilha da Fumaça”, lembra o prefeito Joares Ponticelli.

A Esquadrilha da Fumaça nasceu da iniciativa de jovens instrutores de voo da antiga Escola de Aeronáutica, no Rio de Janeiro, que, em suas horas de folga, treinavam acrobacias em grupo, com o objetivo de mostrar aos cadetes a capacidade e segurança dos aviões, incutindo-lhes confiança e motivando-os para a pilotagem militar. Em 14 de maio de 1952, aconteceu a primeira demonstração oficial da Esquadrilha da Fumaça, no estado fluminense. Neste ano, o grupo completa 70 anos de existência e concretizou-se como um instrumento de comunicação social da FAB, com manobras arrojadas e algumas exclusivas que a fazem diferenciar das demais esquadrilhas do mundo, como o voo invertido em formação, sua especialidade.

Recorde mundial
A Esquadrilha da Fumaça já atingiu três recordes mundiais, todos registrados no incrível “Guinness World Records”. O último foi alcançado em 2006, quando 12 aeronaves voaram de dorso (cabeça pra baixo) por 30 segundos, percorrendo três mil metros. O momento ocorreu na Academia da Força Aérea (AFA), em Pirassununga. Anteriormente, no ano de 1996, a Esquadrilha bateu seu primeiro recorde, quando dez aeronaves fizeram o voo invertido por 30 segundos, uma marca inédita na época. No ano de seu cinquentenário, 2002, a Esquadrilha da Fumaça atingiu mais um recorde com o voo invertido de 11 aviões.

Entre em nosso canal do Telegram e receba informações diárias, inclusive aos finais de semana. Acesse o link e fique por dentro: https://t.me/portalnotisul