Empresa mobiliza colaboradores para contribuir com campanha de arrecadação de alimentos

A Ferrovia Tereza Cristina mobilizou os colaboradores para contribuir com a campanha de arrecadação de alimentos da Fundação de Desenvolvimento Social de Tubarão, realizada durante a aplicação da vacina contra a COVID-19. Ao todo, foram arrecadados 500 litros de leite, com doações dos colaboradores e da empresa.

A entrega foi formalizada nesta sexta-feira (06), para a gerente da Fundação de Desenvolvimento Social, Lilian Folchini, e diretor-presidente da Fundação de Saúde, Daisson Trevisol.

Os trabalhadores do transporte ferroviário de cargas entraram no cronograma de vacinação no início do mês de junho, na fase 6 da campanha. Quase 200 colaboradores da FTC receberam a primeira dose contra o vírus no dia 8 de junho, e a segunda dose nesta quinta-feira (05).

Para a empresa, que é a responsável pelo transporte ferroviário de cargas do Sul de Santa Catarina, essa foi uma oportunidade de demonstrar a solidariedade de todos aqueles que compõem o nosso time. “Sabemos que muitas são as famílias acompanhadas pelo município, e que a nossa doação pode colaborar com a de todos os outros tubaronenses que estão sendo imunizados dia após dia. Acreditamos que juntos podemos sempre mais”, disse o diretor-presidente da FTC, Benony Schmitz Filho.

De acordo com a Fundação Municipal de Desenvolvimento Social de Tubarão, mais de mil famílias estão cadastradas no CRAS. “A campanha de arrecadação continuará nas próximas agendas de vacinação, portanto, para quem fizer parte dos grupos a receber a vacina, e se interessar em ajudar, basta levar alimentos não perecíveis no ponto de vacinação”, convida a gerente da FMDS, Lilian Folchini.

A gerente da FMDS enfatiza, ainda, a importância da doação para o atendimento às famílias, principalmente nesse momento em que muitos perderam o trabalho e não conseguem suprir suas necessidades. “Aumentou muito a demanda pelos serviços ofertados pelos três Centros de Referência Assistência Social (CRAS) do município, em especial a busca por alimentos indispensáveis ao núcleo familiar. A pandemia afetou muito a rotina de trabalho das famílias e a solidariedade será importantíssima no resgate da dignidade das pessoas que tiveram a renda afetada”, explica Lilian.

Entre em nosso canal do Telegram e receba informações diárias, inclusive aos finais de semana. Acesse o link e fique por dentro: https://t.me/portalnotisul