O nascimento de uma criança ficou muito mais emocionante para um casal com deficiência auditiva. Uma intérprete de Libras fez a tradução. Os pais Claudinei Souza Melo e Alani Cistina Alves Melo acompanharam todas as etapas do parto, principalmente saber o momento do primeiro choro da criança.

Os dois são de Catanduva (SP) e contam que namoraram por quase três anos. Assim como o casamento, o nascimento da pequena Elaine foi planejado. O fato dos dois serem surdos os preocupava em relação à maternidade. “A Alanis tinha vontade de ter filhos. Então, conversamos e esperamos um pouco. Depois, decidimos tentar”, afirma Claudinei. 

O parto foi realizado em 8 de maio, os pais tivberam a chance de vivenciar o momento da maneira mais completa possível com a ajuda da interprete de Libras Nani Oliveira. No hospital, a mãe fez todo o processo de pré-natal. A ideia de contratar um intérprete surgiu quando ela e o marido fizeram o curso de pais de ‘primeira viagem’.

“A presença do profissional foi bem interessante porque ele conseguiu facilitar o trabalho da equipe médica explicando o que estava acontecendo para aos pais. Ao mesmo tempo, transmitir a emoção do parto e do primeiro choro”, afirma o diretor de desenvolvimento hospital Matheus Schuerewegen.

Para Alani Cistina Alves Melo, a presença da intérprete trouxe segurança e mais tranquilidade durante a cirurgia. “Ela me ajudou e me acalmou. Quando a criança estava perto de nascer, ela foi traduzindo o que estava acontecendo”, diz a mãe.

Ainda de acordo Alani, os pais já estão criando um jeito próprio de se comunicar com a recém-nascida Elaine. Eles ainda não sabem se a filha nasceu com alguma limitação ou deficiência auditiva.

Foto: Reprodução/TV TEM