A Administração Municipal de São Martinho realizou o lançamento oficial do segundo ciclo do Programa Cidade Empreendedora na noite dessa terça-feira, dia 8. Idealizada pelo Sebrae/SC, a iniciativa tem o objetivo principal de promover o desenvolvimento sustentável do município, com foco no empreendedorismo. O evento de apresentação ocorreu no Salão Beira Rio seguindo todos os protocolos sanitários de segurança.

O prefeito de São Martinho, Robson Jean Back, falou sobre o avanço proporcionado pelo programa. “O segundo ciclo do Cidade Empreendedora significa um avanço da cidade no sentido de que São Martinho se posicione ainda mais no circuito econômico catarinense, principalmente por conta do turismo, dadas as potencialidades que possui, como o turismo rural e a gastronomia. E esse plano de aproximadamente três anos, até 2023, já está firmado e consolidado, o que fará a diferença nas ações a médio e longo prazo”, pontuou Back.

O ponto de vista é compartilhado pelo gerente regional Sul do Sebrae/SC, Murilo Gelosa, que lembrou uma das situações que São Martinho enfrentava antes do programa e como a conjuntura foi revertida, a ponto de que o município se tornasse um case de sucesso.

“Há alguns anos, uma preocupação da gestão pública era a perda de jovens para o mercado externo porque o município não conseguia reter os seus talentos. Hoje, graças a um trabalho voltado ao empreendedorismo, com o auxílio do Sebrae, a cidade começa a reter os seus talentos, que investem na própria cidade, seja num negócio próprio, no turismo, na agricultura familiar. O Sebrae tem um carinho especial por São Martinho, que se tornou um case de sucesso do Cidade Empreendedora”, destacou Gelosa.

A secretária de Turismo e Cultura do município, Patricia Hellmann, também ressaltou que “o novo ciclo do Cidade Empreendedora em São Martinho é vertical, ou seja, abrange diversas áreas – comércio, indústria, turismo, agricultura, educação, gestão pública e empreendedorismo, justamente para mapear as potencialidades do município como um todo e trabalhá-las em eixos estratégicos que abrangem essas áreas e promovam, a médio e longo prazo, o desenvolvimento ordenado e sustentável”.

Uma das principais ações do programa é a Sala do Empreendedor, espaço que já está aberto ao público, com funcionamento de segunda a sexta-feira, das 8 às 12 horas, no Centro de Atendimento ao Turismo, ao lado da Prefeitura. Através dela é possível formalizar, alterar, encerrar ou se informar sobre pequenos negócios, além de buscar consultorias e capacitações na área.

 

Entre em nosso canal do Telegram e receba informações diárias, inclusive aos finais de semana. Acesse o link e fique por dentro: https://t.me/portalnotisul