Dos mais de R$ 4,1 milhões que Braço do Norte receberá do Programa Federativo de Enfrentamento ao Coronavírus, do Governo Federal, R$ 2 milhões serão destinados a um convênio com o Hospital Santa Teresinha (HST) para que sejam dados os primeiros passos da estruturação da Unidade de Terapia Intensiva (UTI).

O anúncio foi feito na manhã deste domingo (31), em uma ‘live’ nas redes sociais. A decisão foi tomada por considerar o melhor investimento em saúde com o montante disponível, principalmente no período de pandemia. A vinda dos leitos de UTI do HST aguarda a finalização da unidade hospitalar que começou a ser construída no Bairro Rio Bonito pela antiga diretoria da instituição.

Sabendo que a estrutura é muito grande e que o município e região têm urgência nos leitos, a nova diretoria do HST decidiu apresentar um projeto de ampliação da nova sede para suprir a demanda em menor tempo e com menos recursos. Assim, terá tempo para retomar as obras posteriormente. Um comunicado em 9 de novembro de 2019, foi emitido pela instituição como esclarecido, assinado pelo então presidente, Camilo Alberton.

O projeto já apresentado pelo HST tem Ambulatório, Centro de Diagnóstico de Imagem (CDI), UTI e Agência Transfucional, leitos e a parte administrativa. A obra deverá ter em torno de 5.300 metros quadrados. Para firmar o convênio, o HST terá que apresentar um plano de trabalho. Em seguida, o convênio deve ser aprovado pela Câmara de Vereadores e, assim que estiver assinado, a obra já poderá ser iniciada.

Os pagamentos seguirão conforme as medições da construção, avalizados por engenheiro fiscal nomeado pela prefeitura, sendo servidor público municipal, até fechar o montante de R$ 2 milhões.

 

Programa Federativo de Enfrentamento ao Coronavírus

Ao todo o Município receberá R$ 4.123.784,00 do Programa Federativo de Enfrentamento ao Coronavírus. Destes, R$ 484.474,00 devem ser, obrigatoriamente, usados com ações para a Secretaria Municipal de Saúde (Sistema Único de Saúde – SUS) e Secretaria Municipal de Assistência Social (Sistema Único de Assistência Social – SUAS).

O restante é de uso livre, ou seja, R$ 3.639.310,00. Deste montante, R$ 2 milhões estarão à disposição do HST para iniciar a ampliação da sede, contemplando os novos leitos de UTI, e o restante, R$ 1.639.310,00 serão destinados ao fechamento de contas, visto a constante queda de receita.

Se comparar os meses de janeiro a maio de 2019 com janeiro a maio de 2020, a queda na arrecadação da prefeitura chega a mais R$ 800 mil, logo, a verba aplicada manterá a saúde financeira do município.

 

Fonte: Prefeitura de Braço do Norte