O edital para a finalização das duas extremidades da SC-442, entre Cocal do Sul e o distrito de Estação Cocal em Morro da Fumaça, foi lançado hoje (2). São quase quatro quilômetros que receberão o asfalto – 762 metros em Cocal do Sul e 3,2 quilômetros no contorno do distrito de Estação Cocal.

A previsão é que todo o trabalho seja finalizado 12 meses após a assinatura da ordem de serviço. A contratação da empresa ocorrerá por meio de um Regime Diferenciado de Contratação Integrada (RDCI). Dessa forma, realizará o projeto e a execução.

O governador Carlos Moisés esteve no ato de assinatura durante a manhã na empresa Eliane, que fica às margens de um dos trechos que será asfaltado.

“Estamos dando continuidade a obras que estavam paradas, essa foi paralisada em 2017. É uma rodovia com um tráfego muito pesado, esse investimento é necessário pois vai trazer desenvolvimento e renda para os dois municípios. Escolhemos as intervenções sempre olhando para as regiões e seu impacto”, destacou o governador.

Lideranças comemoram ato
Para o diretor-presidente da Empresa de Revestimentos Cerâmicos Eliane, Edson Gaidzinski, o investimento em infraestrutura é o que Santa Catarina e o Brasil precisam. “Como todo empresário brasileiro, você tem que ser otimista. Esse investimento influencia diretamente em três municípios: Cocal do Sul, Morro da Fumaça e Criciúma. É um acesso mais rápido, que economiza quase 50 quilômetros para quem segue em direção ao Norte do Estado. Não tenho dúvida de que essa conclusão representa uma melhora na infraestrutura”.

O prefeito de Cocal do Sul, Ademir Magagnin, afirmou que está no fim do seu segundo mandato e deixará o cargo com o sentimento de dever cumprido por ter ajudado a finalizar uma rodovia tão importante.

Entre em nosso canal do Telegram e receba informações diárias, inclusive aos finais de semana. Acesse o link e fique por dentro: https://t.me/portalnotisul