Capivari de Baixo

Até o próximo mês o Departamento Nacional de Infra-estrutura em Transportes (Dnit) deverá anunciar qual o tipo de obra será feita no acesso a Capivari de Baixo. O projeto original contemplava um imenso viaduto no local. Parecido com os que são feitos nos três acessos a Tubarão. Porém, um estudo de solo identificou que a terra do local não é “boa” para suportar a obra.

A fim de evitar problemas no futuro, houve a alteração. “A mudança não acarretará problemas no cronograma. O consórcio segue em ritmo normal em outras frentes de trabalho. Em obras como a BR-101, são comuns este tipo de modificação porque é impossível antecipar problemas, que muitas vezes são identificados somente quando o serviço começa”, destaca o superintendente do Dnit na região sul do estado, Avani Aguiar de Sá, ao relembrar dos embargos no trechos de Tubarão, por exemplo.

Ele pronunciou-se na câmara de vereadores de Tubarão, há alguns dias, onde anunciou a mudança. “Alterações não precisam ser encaradas como problema. Pelo contrário. Reforçam a preocupação do Dnit e das empreiteiras em entregar uma obra de qualidade. Durável”, emenda.