Zahyra Mattar
Tubarão

Uma imagem como a da capa é um presente para os tubaronenses. Mostra como o prefeito eleito, Manoel Bertoncini (PSDB), reage bem ao tratamento de radio e quimioterapia, como está disposto e confiante com a sua melhora. A preocupação com a saúde e o bem-estar do prefeito eleito, Manoel Bertoncini, contagiou a cidade. Ou melhor: o carisma do doutor contagiou os tubaronenses. Todos querem saber como ele está e, principalmente, quando retornará para casa.

A resposta à primeira pergunta é tão clara quanto a foto, disponibilizada ao Notisul pelo empresário tubaronense Marco Falchetti, da concessionária Mitsubishi em Tubarão, a Mitsul. Ele, Dr. Manoel, Márcia (esposa de Manoel) e o assessor do médico, Evaldo Tonelli, encontraram-se quarta-feira no Salão do Automóvel, em São Paulo. “Fiquei muito feliz em encontrá-lo por lá. Somos amigos há muitos anos. Ele está bem, super-disposto e reage muito bem ao tratamento”, confirma o empresário.

Após a visita ao Salão do Automóvel, Dr. Manoel retornou ao apartamento que alugou para acompanhar, pela internet, a corrente de oração feita pelo padre Edison Müller, pároco da igreja de Oficinas. Após cinco sessões de radio e quimioterapia, Dr. Manoel já apresenta sinais de melhora. As dores que sentia nas costas, pernas e quadril cederam. O tratamento, realizado no Hospital A. C. Camargo, na capital paulista, deverá estender-se por mais dez dias, aproximadamente. Durante a campanha, ele sentiu dores em uma das pernas. Depois da eleição, as dores estenderam-se também para a região de coluna e quadril.

O médico tubaronense não está internado. Por recomendação dos médicos, no entanto, ele permanecerá em São Paulo até o fim do tratamento devido ao comprometimento de uma das vértebras da coluna. O futuro prefeito já gravou dois depoimentos, um em áudio e outro em vídeo, onde tranquiliza a população sobre o seu estado de saúde e agradece pelas orações feitas pelos eleitores e amigos.