Itapema

Dois homens foram presos na tarde de quarta-feira (21) após uma mulher grávida ser encontrada morta em Itapema, no Litoral Norte catarinense. Conforme a Polícia Militar (PM), a suspeita é que ela tenha morrido após uma tentativa de aborto. O dono do local e o namorado dela foram presos.

O corpo foi encontrado por volta das 19h30 em um kitnet no bairro Tabuleiro Oliveira. A jovem de 23 anos estava sem vida sobre uma cama, segundo a PM. Ainda de acordo com a polícia, a jovem estava grávida de seis meses.

Foram encontrados e apreendidos equipamentos cirúrgicos, produtos químicos e medicamentos com suspeitas de uso abortivo no local. Uma máquina artesanal de sucção também foi retida.

O responsável pelo kitnet era de um homem de 56 anos e o namorado da vítima, um rapaz de 26 anos, também estava no local.

Segundo a PM, os depoimentos dos dois se contradiziam, mas relataram que ela teria tido um sangramento no banheiro e desmaiou. O banheiro, no entanto, estava limpo no momento em que a perícia chegou.

A Polícia Civil e o Instituto Geral de Perícias (IGP) estiveram no local. Os dois homens foram presos em flagrante e levados para a Delegacia de Itapema.