Parte da marginal está interditada desde agosto do ano passado, quando rochas deslizaram de uma encosta

Laguna

O Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit/SC) iniciou na quinta-feira (27) os trabalhos para compor a base em plataforma de pista auxiliar, na via lindeira da BR-101 Sul, localizada no km 316, no limite entre os municípios de Laguna e Pescaria Brava.

A construção, em caráter temporário, vai sanar a circulação de veículos entre os bairros Bananal, Ponta das Laranjeiras e Cabeçuda. Em agosto do ano passado, rochas deslizaram da encosta por causa de infiltrações e chegaram a bloquear todo o tráfego da marginal, na altura do quilômetro 316. Em seguida, a pista em sentido Norte acabou liberada aos motoristas.

A construção de faixa auxiliar vai ocupar parte do canteiro entre a via lateral e a BR-101, sendo totalmente removida quando os trabalhos de contenção forem executados. Com os trabalhos, os motoristas que circulam no sentido Norte-Sul (Cabeçuda – Ponta das Laranjeiras), pela via lateral, devem atentar para as equipes de construção alocadas nesse trecho. Há circulação de trabalhadores e equipamentos em movimentação.

O tráfego de veículos no sentido Sul-Norte está interrompido por conta do acúmulo de sedimentos sobre a via. Para seguir entre Ponta das Laranjeiras até Cabeçuda, a movimentação deve ser feita utilizando o viaduto construído no km 316,5, seguindo pela ponte Anita Garibaldi, finalizando nas alças laterais disponíveis. O tráfego é orientado pela sinalização vertical.

A interrupção na circulação entre Bananal/Ponta das Laranjeiras em direção a Laguna é necessária para manter a segurança dos usuários, principalmente dos pedestres, já que a plataforma está limitada pelo deslizamento na encosta.

Todo o trecho em obras – e o segmento interrompido pelo deslizamento – está sinalização e identificado. Os motoristas devem respeitar a disposição e o limite de velocidade fixado.

Foto:Divulgação/Notisul