Dnit e prefeitura de Laguna disputam na justiça quem deve pagar a conta

Laguna

Uma conta sem dono. É o que vem ocorrendo há um ano e nove meses com a iluminação da ponte Anita Garibaldi, em Laguna. O impasse continua na Justiça, onde o Departamento Nacional De Infraestrutura De Transportes (Dnit) e a prefeitura mantém uma batalha, tentando um empurrar para o outro a responsabilidade pela dívida.

“São dois medidores, um em cada cabeceira. Hoje estimamos uma dívida de até R$ 285 mil”, afirma o diretor comercial da Celesc em Tubarão, Ivécio Felisbino Filho.

O sistema está em plena operação. “A Celesc vem fornecendo a iluminação enquanto os valores só aumentam”, lamenta Felisbino. Há uma liminar que impede o corte. “O que queremos é que seja definido um responsável pelo pagamento”, acrescenta.

Por enquanto, não há nenhuma previsão para o desfecho do impasse. “De todos os envolvidos na questão, o único prejudicado é a Celesc”, reclama o diretor.

Foto: Elvis Palma/Divulgação/Portal Notisul
Fonte: Engeplus