Os moradores pedem preço diferenciado para a travessia da balsa  -  Foto:Ricardo Zanetta/Divulgação/Notisul
Os moradores pedem preço diferenciado para a travessia da balsa - Foto:Ricardo Zanetta/Divulgação/Notisul

Letícia Matos
Laguna

Mais uma vez, os moradores das comunidades da região da ilha – Ponta da Barra, Passagem da Barra, Campos Verdes, Santa Marta, Canto da Lagoa, Cigana e Farol de Santa Marta -, em Laguna, discutirão com as autoridades o desconto de 50% para realizar a travessia do canal da barra, na Lagoa Santo Antônio, por meio da balsa. 

Nesta sexta-feira, a presidente da União das Associações de Pescadores da Ilha, Maria Aparecida dos Santos Ramos, entregou os convites para os representantes do executivo, legislativo, Secretaria de Desenvolvimento Regional e Polícia Militar. O encontro será na quarta-feira, às 19 horas, no salão da comunidade da Ponta da Barra.

Em dezembro do ano passado, o prefeito Everaldo dos Santos comprometeu-se em lançar um edital de licitação até março deste ano para a contratação de uma nova empresa para operar na região. A intenção é ofertar aos moradores 50% de desconto nas passagens. “A comunidade tem meu total apoio, porém é um processo muito complexo. Vou verificar a situação para dar uma resposta aos moradores da ilha”, afirma o prefeito. O gerente da Laguna Navegação – empresa que administra a balsa -, Glademir Antonio Brustolon, conta que foi criada uma lei há dez anos para fazer o preço diferenciado. Em um período entre 2006 e 2007, os 50% de desconto foram dados aos moradores. “Porém, na ocasião, o valor não foi recomposto pela prefeitura e uma decisão judicial definiu o ato como inconstitucional”, ressalta. 

Correção tarifária
Há uma semana ocorreu um aumento no valor da travessia. Segundo Glademir, não é um reajuste, mas uma correção tarifária conforme a inflação, com fixador IGPM/FGV. A tarifa por veículo passou de R$ 11,00 para R$ 12,00.