Priscila Alano
Tubarão

Para muitos, a música aproxima as pessoas. E é justamente a partir desta afirmação que a escola Natural Arte, de Tubarão, desenvolve o seu trabalho, nos mais variados estilos musicais. O professor Rafael de Oliveira Esmeraldino garante: todos os colegas que atuam na escola são profissionais que ‘respiram’ música.

A maioria integram bandas na região. “A arte deveria ser mais acessível, pois ajuda no relacionamento social, na convivência com outras pessoas”, considera Rafael. Ele explica que as aulas têm dois focos. Um para a especialização dos músicos e outro para despertar a importância da cultura.

“Os alunos podem escolher o estilo musical que mais gosta, mas apresentamos e ensinamos todos”, detalha Rafael. O comerciante Gelson Paes Vieira e filhos gêmeos Kauã e Maria Antônia Mendes Vieira, seis anos, frequentam a escola.

Enquanto o pai está na aula de violão. O menino pratica bateria e a menina teclado. As crianças estão no curso há quase dois anos. “Eles pediram para vir para a escola e achei ótimo. É uma oportunidade deles desenvolverem suas habilidades”, valoriza o pai.

A escola realiza dois recitais por ano para apresentar à comunidade as habilidades dos alunos. No último espetáculo foi realizado nesta sexta-feira, no Centro Comunitário do bairro Passagem, em Tubarão. A apresentação encantou o público.

Serviço
A escola Natural Arte fica na avenida Expedicionário José Pedro Coelho, próximo ao Angeloni. O telefone é o 3632-9768.

Aluna pretende gravar CD

A aluna Beatriz de Souza Nandi, 11 anos, ganhou um violão no ano passado, quando passou a frequentar a escola de música Natural Arte. Durante a apresentação no último Sábado é o Dia D, a aluna foi convidada para participar de um evento na Unisul, no fim deste ano. “Os professores e minha família pensam na possibilidade de gravar um CD”, planeja a menina.

Os cursos

A escola Natural Arte oferece os seguintes cursos: violão (popular e clássico), teoria musical, técnica vocal, percussão, cavaquinho, acordeon, violino, teclado, guitarra, bateria, banjo, piano e baixo.