Florianópolis

Santa Catarina alcançou, nesta quinta-feira (16), a marca de 926 casos de Covid-19. Na quarta-feira, eram 884 pacientes. Neste mesmo dia, foi contabilizada mais uma morte, totalizando 30. Os dados foram atualizados no início da noite por meio de coletiva a imprensa.

Assim como na quarta-feira, 98 pessoas seguem nas Unidades de Terapia Intensiva (UTIs). Conforme o governador Carlos Moisés, 67 internados precisam de ventilação mecânica. Ele destaca ainda, que 129 pacientes tiveram alta das unidades de terapia e foram encaminhados para as enfermarias dos hospitais do Estado.

Na coletiva, o chefe do poder Executivo informou que cancelou o edital do hospital de campanha em Itajaí e que será feito um pregão para a contratação de dez hospitais de campanha. Com as dez unidades de saúde, o Estado terá um mil leitos de UTI para atender os casos de Covid-19.

A modificação segundo Moisés ocorre por causa de duas situações, a análise da curva de mortes e avanços da Covid-19 no Estado, depois de 30 dias de isolamento social e as contratações de hospitais privados para leitos de UTI, que se concretizaram no dia anterior. Serão100 leitos em cada hospital.

Nesta quinta-feira será publicado no Diário Oficial do Estado uma chamada pública para contratação de leitos de UTI na rede privada. O governo do Estado pode pagar, em média, R$ 3 mil a diária, que inclui tanto os equipamentos quanto o atendimento ao paciente por profissionais e a realização de exames que precisarem. Conforme o secretário de Estado da Saúde, Helton de Souza Zeferino, em 15 dias o Estado deve ter alguns leitos alugados. O que deve dar tempo para o poder Executivo realizar o pregão.