A unidade do Centro de Hematologia e Hemoterapia de Santa Catarina (Hemosc) em Tubarão, voltou a operar nesta quarta-feira. No entanto, as doações de sangue deverão ser realizadas somente após agendamento por telefone, informou a instituição.

Em meio a pandemia do coronavírus, o Hemosc está funcionando, mas com horário diferenciado. De acordo com a facilitadora do setor de capacitação do Hemocentro de Criciúma e Tubarão, Maria Regina Boteon Buttner, os estoques de sangue A e O negativo estão em baixa. “As doações mais necessárias nesta sexta-feira são A e O negativo, mas é necessário que aqueles que possuem outro tipo sanguíneo também possam doar para manter um bom nível no estoque”, enfatiza.

Diante da necessidade de manter os estoques e a rede abastecida de sangue, o Maria Regina orienta à população que as doações de sangue devem continuar ocorrendo neste momento em que o país passa por uma situação de pandemia. Ela destaca que na unidade de Tubarão, a orientação é que a cada 30 minutos duas pessoas possam fazer o procedimento. Para agendar o procedimento basta ligar para (48) 3444-7414 e (48) 3444 -7410.

No Brasil, pessoas entre 16 e 69 anos podem doar sangue. Para os menores de 18 anos é necessário o consentimento dos responsáveis e, entre 60 e 69 anos, a pessoa só poderá doar se já o tiver feito antes dos 60 anos.

Além disso, é preciso pesar, no mínimo, 50 quilos e estar em bom estado de saúde. O candidato deve estar descansado, não ter ingerido bebidas alcoólicas nas 12 horas anteriores à doação e não estar de jejum. No dia, é imprescindível levar documento de identidade com foto.

Em relação à Covid-19, são considerados doadores inaptos para a doação de sangue por um período de 30 dias aqueles que apresentarem sintomas respiratórios e febre ou se tiverem tido contato, há menos de 30 dias, com casos suspeitos ou confirmados de Covid-19.