Zahyra Mattar
Tubarão

Duas assinaturas e uma imensa diferença nos setores de saneamento básico e de habitação em Tubarão. Nesta sexta-feira, o prefeito Manoel Bertoncini (PSDB) e o vice, Felippe Luiz Collaço (PP), o Pepê, ‘canetearam’ dois importantes documentos. Um deles trata do recebimento da verba para as obras de macrodrenagem da margem esquerda.

O convênio assinado com a Caixa Econômica Federal repassará R$ 4,5 milhões que beneficiarão diversos bairros do município. O projeto prevê a construção de três estações elevatórias para minimizar os constantes alagamentos nos bairros Humaitá de Cima, Dehon, Morrotes e Vila Elisa.
A outra importante assinatura foi a sanção da lei municipal que concede incentivo fiscal às construtoras e empreendedores imobiliários de Tubarão que construírem prédios ou loteamentos de casas dentro do programa Minha Casa, Minha Vida, do governo federal.

A CEF já autorizou a construção de 317 unidades habitacionais em Tubarão. Mais de mil famílias já se inscreveram na secretaria de assistência social da prefeitura para participar do programa. “Vamos pleitear à Caixa o aumento do teto de unidades habitacionais para Tubarão dentro do Minha Casa Minha Vida, para podermos atender a demanda”, anunciou Bertoncini.