Tatiana Dornelles
Capivari de Baixo

Cuidar da saúde é essencial para viver bem e com qualidade. Por isso, em campanhas de vacinação é importante a participação da população. Até o próximo dia 9, em todo o país, os pais ou responsáveis devem levar os filhos com idade inferior a cinco anos para receberem a segunda dose da gotinha contra a poliomielite.

Já os adultos devem comparecer aos postos para tomar a vacina contra a rubéola e sarampo (dupla viral), que ocorre até o dia 12 de setembro.
O pequeno Gustavo Nunes de Quadros, um ano e seis meses, cuja vida é acompanhada pelo Notisul desde a primeira vacina recebida, foi tomar a segunda dose da gotinha contra a paralisia infantil nesta quinta-feira. A mãe, Eliane Deodato Nunes, aproveitou a ida ao posto de saúde e imunizou-se contra a rubéola.

“Desta vez, além de cuidar da saúde do meu filho, estou cuidando da minha. Meu marido, Jefferson de Quadros, não sabia que tinha que tomar a vacina também. Mas o mandarei vir aqui em breve. A campanha contra a rubéola é muito importante e todas as pessoas entre 20 e 39 anos devem se imunizar”, alerta Eliane.

Apesar de o Dia D da campanha nacional ser somente no próximo sábado, um grande número de pais já têm levado os pequeninos aos postos. ”Desde o início da campanha, há pessoas trazendo os filhos. E aproveitam para vacinar-se contra a rubéola. Esperamos superar a meta nas duas campanhas”, conta a auxiliar de enfermagem do pronto atendimento 24 horas de Capivari de Baixo, Maura Vandresen Bittencourt.