Wagner Silva
Braço do Norte

Os novos membros do conselho de desenvolvimento regional iniciaram os trabalhos motivados, afirma o secretário regional em Braço do Norte, Gelson Luiz Padilha (PSDB). O primeiro encontro foi em Grão-Pará. “A participação chegou perto de 100%. Quem não compareceu, mandou um representante. Isso é um bom sinal. Mostra que estão engajados”, comemora Padilha.

Durante a reunião, o prefeito de São Ludgero, Ademir Gesing (PMDB), Gogo, foi reconduzido ao cargo de representante do Conselho de Desenvolvimento Regional. Oito projetos de parceria com o governo do estado e a SDR foram aprovados, o que totalizou a previsão de investimento de R$ 3,3 milhões para este ano. Somente para a construção de 130 casas populares em Grão-Pará serão disponibilizados R$ 3,08 milhões.

Padilha avalia que o conselho trabalhará com maior segurança, já que conta com a experiência de alguns reeleitos, novamente como integrante do grupo. “Além disso, hoje a SDR já está enraizada na região, trabalha organizada, pronta para receber os projetos e buscar recursos junto ao governo”, destaca o secretário.
Segundo ele, um dos focos do conselho refere-se às questões turísticas. A sugestão de um consórcio foi proposta e bem recebida pelos integrantes. “É importante que estejam com os mesmos interesses em relação ao turismo. Nossa região é procurada pelos visitantes. Por outro lado, é complicado realizar grandes investimentos, especialmente porque a arrecadação dos municípios do Vale é pequena. Com o consórcio, os projetos tornam-se regionais e a busca de recurso é mais fácil”, explica Padilha.

O conselho aprovou ainda recursos para a recuperação de estradas e asfaltamento em Grão-Pará (R$ 261 mil). Em São Martinho serão enviados recursos para a recuperação ambiental de duas barreiras de areão, para os projetos da Associação Kultur Haus (R$ 42 mil), para a criação da banda municipal e ainda uma verba para a Associação Esportiva e Recreativa América a fim de implantar o projeto Educando pelo Esporte (R$ 10 mil).