Com o decreto de isolamento social em Santa Catarina as instituições de apoio a famílias vulneráveis também tiveram que parar temporariamente as atividades com os educandos.

Mas para a Combemtu de Tubarão não é bem assim. As atividades educativas não podem voltar por enquanto, mas a solidariedade e compromisso com os alunos e suas famílias nunca vai acabar.

A equipe se reuniu para fazer marmitas, arrecadar cestas básicas, produtos de higiene pessoal e angariar recursos. Muitos alunos da Combemtu fazem a primeira ou segunda refeição do dia na instituição.

“Fizemos carreteiro para entregar às famílias dos nossos educandos, para aqueles que mais precisam. Conseguimos levar também cestas básicas e outros itens porque muitas pessoas nos ajudaram. Queremos proteger nossos educandos”, Silvana Zardo, coordenadora geral da Combemtu.

A iniciativa deu certo, mas a equipe percebeu que conseguiu atender à demanda dos alunos e ainda sobrou comida que não dava para guardar.

A solução foi estender a boa ação para moradores de rua e outras famílias carentes de Tubarão.

“Primeiro dia que visitamos nossos educandos sobrou muita marmita e fomos encontrando moradores de rua e distribuindo. Foi tão gratificante sentir a gratidão nos olhos das pessoas”, disse Silvana.

A coordenadora geral disse que não pretende parar por aí. Ela sabe estas pessoas mais vulneráveis ainda terão muitos problemas por causa da crise do coronavírus.

“Nosso projeto tem tudo para dar certo, só depende de doações. Infelizmente não temos como arcar financeiramente com tudo”, comenta.

As marmitas são preparadas na cozinha da Combemtu com alimentos doados. Haverá entrega nesta quarta-feira (8) e também na sexta (10), ao meio-dia. E a partir de hoje. além das marmitas, todos receberão um mimo de páscoa.

Quem quiser ajudar pode procurar Silvana pelos telefones 3628.0965 ou 99838.3000.