COMBEMTU completa nesta sexta-feira (13), 46 anos de história
Foto: Reprodução COMBEMTU

A COMBEMTU completa nesta sexta-feira (13), 46 anos de fundação. São anos atuando para promover mudanças sociais e transformar vidas. Para celebrar a data, a organização criou um concurso especial para eleger a foto do ano de 2020.

Dentre o acervo da CMBEMTU, foram elencadas 46 fotos amadoras que mostram o dia a dia das atividades. Para escolher é só clicar aqui, o resultado será em 31 de agosto.

Apesar das dificuldades, que foram duplicadas pela pandemia, os funcionários e voluntários da COMBEMTU não perderam o ritmo para atender as 350 crianças e adolescentes e fazem de tudo para manter o foco.

De acordo com a presidente da COMBEMTU, Maria Nilta Tenfen, a entidade tem dois pilares que sustentam as atividades: atendimento psicossocial e o projeto do jovem aprendiz.

“Com isso pretendemos fazer com que os educandos vislumbrem horizontes diferentes e se sintam integrandos na sociedade , que tenham oportunidades, que possam buscar vagas na universidade, conseguir trabalho, seguir caminhos que lhes deem independência financeira”.

Maria Nilta diz que estar à frente da COMBEMTU neste momento de pandemia tem sido um desafio diário, e além de lidar com as dificuldades das restrições é preciso manter a qualidade do atendimento aos educandos.

“São crianças e adolescentes que precisam da gente, e por conta da pandemia a necessidade deles se multiplica. Mas estamos conseguindo superar essas dificuldades com o auxílio dos colaboradores, da comunidade e empresas que acreditam na nossa causa e apostam no nosso trabalho”.

Sopa Solidária

E para dar continuidade ao trabalho de arrecadação de fundos para Combemtu, a direção está promovendo a 9ª edição da Sopa Solidária. São três sabores diferentes e cada um deles vem em um porção de 500 ml.

Os ingressos podem ser comprados na COMBEMTU ou pelo número 99103.9888. A retiradas das será em formato drive thru no dia 19 de agosto, entre 19h30 e 21 horas, na sede da COMBEMTU localizada na Avenida Patrício Lima, 2200 – Humaitá de Cima, Tubarão.