O governo de Cocal do Sul lamenta a morte de Venicios Búrigo ocorrida nesta quinta-feira (16), aos 93 anos. Em homenagem ao legado deixado por este cidadão Sul-Cocalense, a administração decreta Luto Oficial por três dias e presta toda a sua solidariedade aos familiares enlutados.

Venicios nasceu no Distrito de Cocal em 16 de dezembro de 1925. Filho de Paulino Búrigo e Esther Costa, e casado com Eloyda Bosa Búrigo. Era contador, empreendedor e comerciante. Pioneiro em muitas iniciativas. 

Além disso, viveu intensamente a vida política do município. Foi o fundador do atual MDB, membro da comissão de Emancipação de Cocal, elegeu-se vereador no mandato de 1963 a 1967, quando Cocal ainda era Distrito de Urussanga e participou de todos os movimentos e atividades comunitárias. 

Foi um dos fundadores da Coopercocal, sendo o primeiro presidente da Cooperativa, em 1964 a 1967. Foi presidente do Cocal Esporte Clube, Presidente da Associação de Pais e Mestres do Colégio Padre Schuller, historiador, defensor da cultura, sendo até hoje Presidente de Honra do Círculo Italiano.

“Seu Venicios foi um grande líder e precursor do desenvolvimento de Cocal do Sul. Sempre à frente, um visionário, uma pessoa do bem que nos deixa como herança um legado movido pela honra, empenho e honestidade. Ele era exemplo e tinha muito amor por Cocal do Sul, zelo pela cultura italiana e disposição para ajudar o município a crescer e se desenvolver. Cocal do Sul perde um pedaço da sua história”, lamenta o prefeito Ademir Magagnin.

O corpo de Venicios Búrigo é velado na Capela Mortuária de Cocal do Sul e seu sepultamento será hoje, 17, às 16 horas.