Foto: Prefeitura de Tubarão

Atualmente, com 92% da população vacinável imunizada com a primeira dose, e 71% da população vacinável com as duas doses realizadas, Tubarão segue a caminho da imunização coletiva.

Até agora, cerca de 1.500 adolescentes de 12 a 17 anos não compareceram para receber o imunizante. A evasão para doses de reforço para idosos, imunossuprimidos e trabalhadores da saúde também é preocupante, já que até o momento 5.262 pessoas não receberam a aplicação.

“É importante fazer a procura da vacina nas Unidades Básicas de Saúde e no Centro de Vacinação na Arena Multiuso, porque os imunizantes possuem um prazo de validade, e a quantidade de insumos destinados a vacinação deste mês deve ser usada até o fim de outubro, para que não percamos essas doses, já que após retirar os frascos do freezer, essas doses não podem ser reaproveitadas, pois a durabilidade passa a ser de apenas 31 dias”, explica o diretor-presidente da Fundação Municipal de Saúde Daisson Trevisol.

Para as pessoas que ainda não receberam o imunizante, pode-se comparecer a uma das Unidades Básicas de Saúde (UBS) – clique aqui – perante agendamento prévio, ou de segunda a sexta-feira na Sala Central da Policlínica das 08 às 21 horas e no Centro de Vacinação da Arena Multiuso, das 09 às 19 horas, sem necessidade de agendamento.

“É de extrema importância destacar que a pandemia ainda não acabou, e para chegarmos a uma imunização coletiva é necessária a imunização de 80% da população, pelo menos. Além disso, a dose de reforço após os seis meses é importante pois pode haver o risco de agravamento na doença após esse período, e com o reforço, a população estará cada vez mais segura”, lembra Daisson.

Para os adolescentes que não forem se vacinar acompanhados dos pais, é necessário preencher uma declaração de autorização que pode ser feita na Fundação Municipal de Saúde.