O Programa de Desenvolvimento da Gestão da Cooperativa (PDGC) é um modelo de gestão referenciado mundialmente, voltado ao desenvolvimento da autogestão. A Cerbranorte, já aderiu ao programa desde 2016, mas está prestes a avançar mais um passo: nos próximos dias deverá finalizar documentos de diretrizes para uma boa gestão, que posteriormente será colocado para votação através da Assembleia Geral. Com isso, mesmo com a troca de gestor, quem assumir a cooperativa terá um compromisso com o PDGC e em melhorar os índices da cooperativa no programa.

A Cerbranorte tem um comitê responsável pelo PDGC desde quando aderiu ao programa, atualmente conta com a consultoria de Elvio Silveira, ex-funcionário do Sescoop SC e antigo gestor do programa no Estado. As primeiras reuniões para desenvolver os documentos que compõem o programa interno de diretrizes para uma boa gestão de governança ocorreram no início deste ano, e o objetivo principal é trazer melhorias relacionadas à atuação do Conselho Administrativo e Fiscal da cooperativa com o quadro societário.

“Já está na fase final, é a terceira versão do documento que apresentamos” explica Elvio Silveira, contabilista que trabalhou por 35 anos na OCESC e SESCOOP e ajudou a construir a ferramenta. “O programa abrange todas as áreas de gestão de uma cooperativa: social, econômica, relação com a comunidade. Ele proporciona a autoavaliação e o crescimento da Cerbranorte”, explica Elvio. “Além, é claro, de unicidade de pensamento”, complementa.

Com a melhora dos índices, a Cerbranorte estará mais próxima de avançar nas fases do PDGC. Com isso, a cooperativa poderá concorrer com todo o Brasil e ser premiada como uma cooperativa modelo em excelência de gestão. Santa Catarina e Minas Gerais são os estados mais premiados atualmente.

 

Crescimento em Passos

A Cerbranorte atualmente está no NÍVEL 1 do PDGC: primeiros passos. Com a melhora nos índices através dos anos, chegará ao NÍVEL 2: compromisso com excelência; depois no NÍVEL 3: rumo à excelência e ao NÍVEL 4: excelência. “A partir do segundo passo é mais complexo. A cooperativa vai implementando ações de melhoria na sua gestão. É uma construção”, explica o consultor Elvio, que acredita no programa de diretrizes para uma boa gestão, como um grande passo. “Será um registro para manter-se melhorando, gestão após gestão” finaliza.

 

Entre em nosso canal do Telegram e receba informações diárias, inclusive aos finais de semana. Acesse o link e fique por dentro: https://t.me/portalnotisul