Após o descerramento da placa inaugural, a banda marcial e o grupo de dança do Colégio Dehon realizaram apresentações. O edifício ainda recebeu as bênçãos do bispo da diocese de Tubarão, Dom Wilson Tadeu Jönck.
Após o descerramento da placa inaugural, a banda marcial e o grupo de dança do Colégio Dehon realizaram apresentações. O edifício ainda recebeu as bênçãos do bispo da diocese de Tubarão, Dom Wilson Tadeu Jönck.

Tubarão

 

Um espaço de integração da vida acadêmica com as necessidades diárias de uma grande comunidade. Quem sabe esta seja a melhor forma de descrever o Centro de Convivência da Unisul de Tubarão, inaugurado oficialmente na manhã de ontem. A cerimônia, sob a batuta do reitor Ailton Nazareno Soares e da diretora do campus, Milene Pacheco Kindermann, foi um festa à parte.
 
“Criamos um espaço de estudo e lazer no qual o público poderá contar com o conforto ambiental e ergonômico para realizar seus encontros. Com isso, a universidade cumpre sua meta de se tornar um meio de integração e interação com a comunidade externa”, enalteceu o reitor.
 
Para a diretora do campus, a abertura do Centro de Convivência marca oficialmente uma nova etapa para a Unisul. “Começa aqui um processo de remodelação e gestão do espaço físico da Unisul”, sublinhou.
 
O lugar também concentra alguns setores da própria universidade. Agrega ainda restaurantes, lotérica, farmácia e lojas. Quem comemora, além dos estudantes, é a comunidade. “Agora, não é preciso ir até o centro da cidade para ir à farmácia ou à lotérica”, vibra a moradora Romilda Machado.