#Pracegover Foto: na imagem há 4 pessoas com roupas temáticas
#Pracegover Foto: na imagem há 4 pessoas com roupas temáticas

O Domingo de Páscoa já passou, mas o espírito pascal que permanece em cada um de nós continua sendo celebrado pelo Parque Ambiental Encantos do Sul. A entidade mantém os eventos alusivos à Páscoa neste mês de abril e com isso quer continuar a encantar e emocionar avós, pais e filhos. No próximo dia 24 de abril, domingo, o Parque promove um grande espetáculo com a renomada produtora artística Ludicoz, chamado “A origem da Páscoa”.

Um cortejo com 30 artistas, coelhos, com uma banda de fanfarra fará abertura para “A origem da Páscoa”, e isso já dá uma ideia da grandeza do evento. Tocando músicas alegres e divertidas, o grupo percorre a área central do Parque a partir 15 horas, se o tempo permitir, claro.

O cortejo será um aperitivo para “A origem da Páscoa”, que acontece a partir das 16 horas no teatro do Parque,  portanto, em ambiente coberto e por isso, sem risco de ser cancelado por conta de possível mau tempo.

O espetáculo é uma comédia e é contracenado por Rubi, Hélio, Cacau e Fefo, coelhos da Páscoa super atrapalhados que buscam entender os símbolos desse período tão especial, dentro da fábrica encantada. Eles resgatam a origem da data de forma alegre, trazendo muito encantamento e diversão.  O espetáculo mostra a importância de celebrar a gratidão, a fé e a esperança no mundo e principalmente no coração das pessoas.

A classificação é livre e a entrada é gratuita.

A programação é promovida pela Associação Jorge Lacerda (entidade que administra o Parque), viabilizada através de Lei de Incentivo à Cultura, por meio da Secretaria Especial de Cultura, Ministério do Turismo, Governo Federal, com patrocínio da Diamante Geração de Energia, Engie Brasil Energia e da GAM Medicamentos e apoio do Parque Encantos do Sul.

Um pouco mais da comédia

O personagem Hélio abre o livro do conhecimento e entra no mundo da imaginação. Porém é rapidamente “interrompido” pelos seus amigos Cacau, Fefo e Rubi, que são coelhos super atrapalhados, da Fábrica Encantada de  Páscoa. Eles apresentam a fábrica, com uma produção musical própria, e mais coelhos se juntam, trazendo ainda mais magia e diversão pra esse universo.

Eles amam a Páscoa e tudo que têm nessa data tão especial. Amam ter tanto trabalho e receber visitas na Fábrica, mas tem um grande problema: O que é a Páscoa? Coelhos que trabalham na Fábrica não sabem o que é Páscoa.  Sabem do ovo, do chocolate, do coelho, do girassol…

Aí, mais uma vez o livro do conhecimento vai trazer todas as informações: mostrando como a Páscoa é cheia de significados, símbolos e comemorado por tantos povos diferentes desde muito tempo.

Assim como o Natal, a Páscoa é época de estar com quem amamos. Mas já que falamos do Natal, porque no Natal a Fábrica tem um chefe e na Páscoa não tem? Nenhum limite existe para esses coelhos e eles vão eleger um líder, com a ajuda do público… é claro!

Essa fábrica tem confeiteiros e doces que dançam sem parar. Diversão é o nome dessa Fábrica.

Mas o novo líder acha que a Fábrica precisa mudar, ter mais organização… E novas regras são criadas. Regras demais!

A amizade estremece, a Fábrica parece estar triste e tudo pode ser arruinado nesta Páscoa. Então, através dos símbolos entendemos o porquê de cada coisa na Páscoa, como chegamos até o chocolate e porque ele é importante… assim como a amizade. E assim, como o girassol, que sempre se volta para o sol, é hora ir à busca da luz, como o ovo, de renascer para o perdão, para o amor e para a amizade. Afinal o amor, a amizade e a união são as coisas mais importantes do mundo.

Entre em nosso canal do Telegram e receba informações diárias, inclusive aos finais de semana. Acesse o link e fique por dentro: https://t.me/portalnotisul

Fonte: Parque Ambiental