Capivari de Baixo

Neste sábado, Capivari de Baixo completa seus 27 anos de emancipação político-administrativo. A cidade está localizada no Sul do Estado de Santa Catarina. O município deixou de ser bairro de Tubarão, no dia 30 de março de 1992.

Neste período, diversas mudanças ocorreu no municípios, ele  está em pleno desenvolvimento político, econômico e social. Conforme dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística IBGE. Capivari de Baixo tem hoje,  23.342 habitantes e é conhecida como a capital termelétrica.

O povoamento da região de Capivari de Baixo começou no século 18 com o deslocamento da colônia de Santo Antônio dos Anjos, de Laguna, por volta de 1721. Os primeiros habitantes desta região foram os tupi-guarani, mais conhecidos como Carijó, que posteriormente tiveram os imigrantes açorianos, portugueses e italianos para compartilharem as suas terras.

A origem do nome Capivari de Baixo vem do significado da palavra “Capivary”, que no dicionário Tupi-Guarani, de Silveira Bueno, significa Rios das Capivaras. A este rio os índios denominam “Capivary” e assim deu origem ao nome. Capivari de Baixo surgiu em função de esta ser a parte final do rio que tem nascente no município de São Bonifácio.

Até 1941 Capivari era uma região agrícola, até que a criação da Companhia Siderúrgica Nacional (CSN), em 1945, provocou um aumento considerável na população e, assim, Capivari tornou-se um imenso canteiro de obras. Em 1987, o município tornou-se Distrito e no dia 30 de março de 1992 o governador Vilson Pedro Kleinubing sancionou a Lei nº 8.556 criando oficialmente o município.